Todo brasileiro lembra de quando o Brasil foi goleado pela Alemanha na semi final da Copa do Mundo de 2014. Foi trágico. Até hoje ninguém sabe direito o que aconteceu.

No entanto, temos uma boa noção do descontrole emocional dos jogadores simplesmente analisando o mapa de calor do time.

Na época, o site Squawka publicou estatísticas de análise sobre os 11 que estavam em campo.

Se você quiser dar uma espiada, esse post do Doentes por Futebol mostra direitinho o mapa de calor de cada um na desastrosa partida.

Podemos ver que os jogadores brasileiros não mantiveram as suas posições, correram de forma desordenada e desrespeitaram a estratégia tática.

Infelizmente, sabemos o resultado.

Mas passado é passado.

Usamos esse exemplo apenas para mostrar como que o mapa de calor é uma técnica atual, utilizada para avaliar o desempenho dos jogadores depois de uma partida.

Também para contar uma boa notícia: agora você também pode ter acesso ao seu mapa de calor no app Joga disponível tanto na GooglePlay quanto na AppleStore.

 

CONHEÇA O APP JOGA

     

 

Aqui nesse post, vamos falar um pouco mais sobre o Mapa de Calor e como essa técnica atual pode melhorar a sua performance e de todo o seu time.

 

Como funciona o Mapa de Calor?

O Mapa de Calor indica a região do campo em que o jogador esteve mais presente.

A áreas vermelhas são as áreas mais frequentes enquanto as azuis escuro são as menos.

Por exemplo, com o mapa de calor de uma partida em mãos, é possível observar se o zagueiro ou artilheiro possui, tanto marcas vermelhas no ataque, quanto na defesa – o que não condiz com uma boa posição de origem.

Ao observar o mapa de calor, o jogador possui uma ótima visão de:

  • Movimentação em campo;
  • Posicionamento no ataque e na defesa;
  • Estar à direita ou na esquerda, perto do gol ou perto do meio campo.

Em uma próxima partida, esse jogador pode corrigir esse erro e mudar a sua atuação.

Assim como a do time.

Por isso que o Mapa de Calor é utilizado para melhorar o futebol, com o intuito de determinar os pontos pontos fortes e fracos para que os jogadores treinem de forma específica para um ganho de performance.

Há muito tempo que o futebol deixou de ser somente dentro das quatro linhas.

Quando o jogo acaba, entram em campo as estatísticas, dados e análises.

A tecnologia da informação é uma forte aliada no monitoramento e planejamento para melhorar o desempenho.

Com o app Joga, você e seus amigos podem ter acesso a essa tecnologia antes reservada apenas aos grandes times. Vamos mostrar como fazemos isso.

 

Como o mapa de calor melhora a performance

 

Para calcular o mapa de calor a aplicativo Joga identifica sua localização no campo a cada segundo e utiliza um algoritmo de densidade para deixar em vermelho as áreas mais frequentes.

Para complementar ainda mais a análise, o app utiliza dados sobre o posicionamento.

O que consiste em dividir a partida em quatro partes iguais e verificar o local do campo em que o jogador esteve mais presente.

Esses quatro pontos são ótimos para entender sua consistência tática, ou seja, se você está realmente ajudando seu time mantendo-se responsável por uma região do campo.

Se os quatro pontos estiverem próximos uns dos outros, é um sinal de que o jogador é consistente na movimentação, voltando sempre para sua posição principal.

Ainda que um zagueiro decida ir ao ataque algumas vezes, ou o atacante volte para ajudar na marcação, a palavra chave aqui é consistência.

Um excelente jogador terá um Mapa de Calor com uma mancha bem definida e um posicionamento com as quatro partes do jogo próximas entre si.

O que acha de saber se você é um deles?

Com o app da Joga, você não precisa ser um atleta de alto de rendimento, com fortes patrocínios, para conseguir meios de saber as estatísticas do seu desempenho.

 

Agora você também pode ter acesso ao seu mapa de calor no app Joga disponível tanto na GooglePlay quanto na AppleStore. Analise seu mapa de calor e conte pra gente como está o seu desempenho dentro de campo! 

 

CONHEÇA O APP JOGA