E então, como ser um bom ponta direita no futebol? Bom, precisamos definir o que essas palavras realmente significam quando falamos de futebol. O que significam em termos práticos e na rotina de jogo.

posicionamento refere-se somente àquele espaço que o jogador ocupa dentro do esquema tático do time e os pontas foram bem utilizados nos esquemas táticos do século XX. Naquela época, era comum a presença de cinco ou quatro atacantes, os famosos  4-2-4 ou ainda 2-3-5.

Assim, os chamados pontas de lança eram aqueles jogadores responsáveis por dominar a bola no meio do campo e transferir as jogadas pelos lados até a grande área. Se você faz isso do lado direito, você é um ponta direita.

Caramba, a lista de pontas que se destacaram ao longo da história é bem longa. Garrincha. Robben. Aleixo. Zagallo. Cristiano Ronaldo. Hazard. Neymar. Everton. David Neres. Willian.

Mesmo que aqui no Brasil, esse posicionamento caiu em desuso nos esquemas táticos, ainda tem muito peladeiro que se amarra na possibilidade de ser um ponta direita de destaque. E é por isso que estamos aqui.

CONHEÇA O APP JOGA

 

Como ser um bom ponta direita no futebol? Seja versátil

 

Sabe-se que o futebol é um jogo dinâmico e isso significa que é normal constantes trocas de posição para desbaratinar as marcações dos adversários.

Por isso, uma das principais características de um ponta direita é a versatilidade.  Isso significa ser capaz de atuar em outros posicionamentos para que os outros jogadores possam movimentar-se para o centro do campo.

Por isso, a melhor resposta para a pergunta de “como ser um bom ponta direita” é desenvolver habilidades que o torne em um jogador polivalente.

O ponta joga na posição central do campo e tem um papel importante na distribuição do jogo. Isso inclui ser atento, prestar atenção às movimentações dos colegas e levar em consideração de que não é apenas um finalizador.

Outro ponto é ter em mente de que sua função primordial é marcar gols. Isso requer uma grande rapidez de raciocínio aliada a uma grande frieza na hora da finalização.

Hoje em dia, o futebol está muito equlibrado e o ponta direita precisa ser consciente de que um décimo de segundo perdido pode ser a diferença entre a vitória e a derrota.

 

Como ser um bom ponta direita no futebol? Ter jogo de cintura

Além disso, como ser um bom ponta direita no futebol inclui algumas habilidades específicas como aptidão para defender, impulso, ganhar as divididas e ter controle da bola. Vamos falar de cada uma delas.

Aptidão para defender

Podemos afirmar que o ponta de lança é um grande defensor, afinal, será o primeiro a importunar os rivais quando eles estão logo ali no meio de campo. Por isso, para ser um bom ponta direita é importante ter aptidão de defesa. Seja ajudando efetivamente a defesa na prática, nos cruzamentos de bolas paradas ou escanteio, seja marcando o adversário ou ainda contribuindo para liberar espaço para a atuação de outros jogadores.

Impulso

A posição de ponta direita requer que o jogador seja um bom cabeceador . Isso requer uma boa capacidade de impulsão que o permita ficar mais alto do que os outros adversários em algumas jogadas decisivas.

Ganhar as divididas

Por jogar na grande área, o ponta direita precisa ter estrutura física e massa muscular que permita manter uma posição favorável na disputa da bola. Como se sabe, o contato físico é  frequente no futebol e quando respondemos a pergunta de ‘como ser um boa ponta direita’ precisamos ter em mente de que conseguir dominar a bola depois de uma dividida é fundamental.

Controle da bola

Na dinâmica ofensiva, é frequente que o ponta de lança receba a bola de costas para o gol. Nessas situações, é fundamental ter uma boa capacidade de controle de bola, principalmente, para ganhar tempo enquanto o resto da equipe se organiza.

Como ser um bom ponta direita no futebol? Ser líder

Para finalizar, é importante que o ponta direita tenha capacidade de liderança e consiga orientar seus companheiros sem parecer arrogante ou dono da bola.  Assim como o goleiro, essa posição oferece uma visão privilegiada sobre o campo e um controle visual sobre toda a dinâmica do time – o que pode ser essencial para ajustar algumas jogadas.

Ainda, todas às vezes que você se questionar sobre como ser um bom ponta direita, lembre-se de que é importante entender melhor sobre a sua movimentação dentro do campo.

Os melhores times são aqueles que o lateral ou o zagueiro realmente desarmam o adversário e não precisam pensar duas vezes antes de fazer um lançamento.   Existem tecnologias que podem te ajudar nesses casos, entre elas está o app Joga.

O autoconhecimento é uma ferramenta para alcançar uma performance de qualidade.

Pense em como você poderia melhorar sabendo qual foi a sua distância percorrida, a consistência tática, o desgaste e o ritmo durante o jogo? Ter consciência dessas informações, além de motivar, podem te levar a alcançar excelentes resultados físicos e táticos.

Dar um toque a mais na bola pode fazer toda a diferença entre conseguir chegar na cara do gol ou ser desarmado lá atrás por um marcador.

Existem tecnologias que podem te ajudar nesses casos, entre elas, está o app Joga. Baixe o app gratuitamente e fique por dentro das métricas do seu futebol.

CONHEÇA O APP JOGA